AUTOR: Marlene Neves Strey, João Alves S. Neto e Rogério Lessa Horta (orgs.)
EDITORA: EDIPUCRS

Sinopse:

Este livro é uma coletânea de textos de pessoas dedicadas ao exame de questões que aproximam os temas família e gênero. Mais que isso, o livro é um reforço aos convites e provocações que já temos recebido a que ingressemos todas e todos numa nova era do conhecimento científico. Este livro não tem a pretensão de esgotar os assuntos que aborda e nem de encontrar as formas estáticas e verdadeiras de conceber o mundo ou o universo.

Abordamos neste livro diversos temas. Nossa viagem começa pela reflexão sobre a dimensão social da instituição familiar e a forte influência da variável gênero no estabelecimento dos contratos e representações que garantem, ao longo do tempo, que grupos humanos constituam famílias, em articulação com a sociedade e a cultura. Nesse sentido, a história das mulheres e a história das famílias tornam-se, assim, quase indissociáveis, na medida em que, mesmo sendo possível inúmeros e distintos modelos, quase sempre haverá em seu núcleo duro a presença de mulheres, que costumam ser um fator agregador, sem o qual a unidade familiar terá dificuldades de seguir adiante.

Reflexões de ordem social também nos instigam ao exame das negociações contemporâneas em grupos populacionais específicos e mais amplamente na educação.

A saúde pública e um tema em particular, o das drogas, surgem nessa onda de examinar papéis e tarefas familiares sob o olhar do gênero.

A sexualidade e a conjugalidade são escalas impossíveis de se evitar quando se discute família. Falamos sobre as relações de gênero na sexualidade e na conjugalidade, incluindo diversos aspectos contemporâneos associados. Também incluímos as cenas de violência e drama.

No final do livro incluímos a análise de aspectos relacionados à terceira idade e as famílias.

Os textos são nossa contribuição para que este o cenário da vida se amplie e se diversifique infinitamente.